Confira o primeiro trailer oficial da nova temporada de Prison Break


Foi divulgado nesta segunda-feira a o primeiro trailer oficial da quinta temporada da série Prison Break, que estreia no início de 2017, segundo a FOX.

A série já começou as gravações (veja aqui), com retorno de todo o elenco principal, incluindo, além de Dominic Purcell (Lincoln) e Wentworth Miller (Michael), Sarah Wayne Callies, Amaury Nolasco, Robert Knepper,Rockmond Dunbar e Paul Adelstein .

Assista abaixo o trailer oficial na nova temporada:




Começaram as gravações da nova temporada de Prison Break

prisonbreakFB

A turma já está a todo vapor nos sets de Prison Break, cuja quinta temporada – ou temporada especial, como queiram – está sendo produzida pela FOX. Teve gente que até outro dia jurava que era boato e que isso não iria acontecer. Pessoas disseram que "checaram com fontes seguras na FOX que os atores estão em outro projeto e era tudo boato". Sim, de fato os protagonistas estrelam Legends of Tomorrow e Colony, o que não quer dizer que eles não tenham condições de conciliar dois projetos ao mesmo tempo.

Mas para o infortúnio dos descrentes, o ator Amaury Nolasco acabou de postar um vídeo ao lado de Dominc Purcell dizendo: "Sucre e Lincoln juntos de novo! Cadê o Michael?" e outro ao lado de Rockmond Dunbar e Robert Knepper (C-Note e T-Bag).

De fato, o retorno de Michael Scofield será um dos grandes mistérios que o novo ano da série terá que responder. O produtor já deixou claro que ele não morreu e que explicarão o que realmente ocorreu na nova temporada.

Prison Break deve estrear no segundo semestre de 2016 no canal FOX americano. No Brasil a série deve chegar simultaneamente, mas ainda sem uma data correta.





Fonte: Ligado em Série

Ficar sem internet é o mesmo que ser roubado


Você fica estressado quando a net cai, o Google não entra, seu e-mail trava, o 3G não funciona? Então está viciado, diz um estudo, e as conseqüências são sérias. Segundo uma pesquisa, que monitorou a atividade cerebral dos junkies, ficar desconectado tem o mesmo efeito no cérebro do que estar uma hora atrasado para uma reunião importantíssima. Ou então prestar vestibular e, na pior das situações, ser roubado.

O sintoma foi definido pelos psicólogos como um sentimento de estresse e ansiedade quando alguém é impedido de conseguir acesso imediato à informação – a internet é a principal fonte para 87% dos britânicos. Cerca de 76% dos entrevistados admitiram não conseguir viver sem internet, sendo que 53% deles passam mais de 4 horas por dia online. E 44% ficam confusos e desorientados se a internet cai.

De acordo com o estudo, o nível de estresse dos homens sem internet era pior à noite. Enquanto que as mulheres se sentiam mais estressadas se ficavam sem conexão durante o dia.

Sexta-feira foi considerado o pior dos dias para ficar sem rede, porque impede que as pessoas programem seus finais de semana – e a maioria usa o Whatsapp para fazer isso.

E aí, você consegue responder se passa mais tempo no computador do que com a própria família? Acha isso normal?

Cinco coisas que aconteceriam com seu corpo se você não dormisse por uma semana


1. Você pode assumir uma culpa que não existe

Ao menos é isso que diz um relatório do senado norte-americano, que concluiu que presidiários forçados a permanecer acordados acabaram muitas vezes confessando algo que eles não fizeram.


2. Aumento de sensações semelhantes à esquizofrenia

Sensibilidade à luz, ao brilho e às cores, senso distorcido de tempo e percepção corporal alterada são sintomas típicos de quem sofre de esquizofrenia e que podem aparecer com apenas 24 horas de privação de sono.



3. Irregularidade emocional

Controlar as emoções também fica mais complicado quando você se priva do sono. Você pode ter variações de humor muito rápidas, além de pular do soluço para o choro em um piscar de olhos.


4. Distorção no pensamento de ordem superior

Esse é o tipo de pensamento é mais estruturado, extremamente rico e organizado, além de altamente investigativo. Quando ele fica distorcido, a sua própria forma de raciocinar muda.



5. Desordem hormonal

As noites de sonos também são fundamentais para o controle hormonal do seu corpo. Se você deixa de dormir por um período longo de tempo, muito de seus hormônios ficaram se sentindo “perdidos”.



7 coisas que você talvez não saiba sobre a Netflix


Nos últimos meses, a Netflix teve muito o que comemorar. Aos poucos, o serviço de streaming de vídeos vai se popularizando não só no Brasil, mas no mundo todo. O crescimento chega até a preocupar as operadoras de TV paga, que observam uma derrocada no número de assinantes. 

Apesar de ser um serviço simples de usar, o Netflix conta com uma série de segredos e truques que podem facilitar a vida do usuário ou torná-la mais divertida. Confira alguns:

1. Códigos secretos

Muita gente já se deparou com a dificuldade de encontrar novos títulos na hora de escolher o que assistir na Netflix, já que o algoritmo do serviço de streaming oferece opções de acordo com o que o usuário assiste. Mas um truque pode revelar ao usuário uma série de novos filmes de acordo com o gênero desejado. Basta digitar http://www.netflix.com/browse/genre/" e adicionar o código correspondente. Aqui há uma lista completa com os gêneros, alguns bastante específicos, e seus códigos. (A opção funciona apenas na versão desktop)

2. Compartilhar senhas não é proibido

Reprodução

A prática de 'empréstimo' de senhas não só não é proibida, como é incentivada pelo serviço de streaming. Para saber quantas pessoas podem assistir em uma conta, é preciso acessar Netflix.com e abrir as configurações de conta. Em "Detalhes do Plano", o usuário consegue saber quantos dispositivos podem acessar o serviço ao mesmo tempo. Se desejar alterar o plano escolhido, clique em alterar, escolha a nova opção e salve as mudanças.

3. Apenas trailers

Reprodução

Ao abrir a plataforma no PC, coloque o mouse em cima do título desejado. A seguir, clique na seta que fica na parte inferior do poster do filme. Depois disso, selecione a aba 'trailers' para assistir aos vídeos.  Atenção: este recurso pode não estar disponível para todos os títulos da Netflix.

4. Vídeos com mais qualidade


Independente do plano escolhido, é possível ajustar a qualidade dos vídeos da Netflix manualmente. Para realizar a mudança, clique em www.netflix.com/HdToggle e escolha o uso de dados por tela. São quatro opções:

â¦Â Automático
â¦Â Baixo (qualidade de vídeo básica, até 0,3 GB por hora)
â¦Â Médio (qualidade de vídeo padrão, até 0,7 GB por hora)
â¦Â Alto (a melhor qualidade de vídeo: até 3 GB por hora para HD e 7 GB por hora para Ultra HD)

5. Meias à prova de sono

Reprodução

Vez ou outra, a Netflix cria dispositivos que podem ajudar o usuário em sua experiência com o serviço de streaming. Bons exemplos são o botão que arruma a casa e cria um "clima" para assistir ao seu programa favorito e pode até pedir comida pelo celular, além da ideia mais recente, as meias que detectam que o usuário caiu no sono e pausam automaticamente a reprodução. 

O mais interessante é que quem quiser fazer seus próprios dispositivos encontra todas as instruções necessárias, fornecidas pela própria Netlfix.

6. Menos propagandas

Reprodução

O site Exstreamist, especialista em análises de séries e serviços de streaming, calculou quanto tempo de propaganda um usuário que assiste à Netflix deixa de ver em relação a um usuário comum de TV. De acordo com o levantamento, por ano, um usuário da Netflix deixa de ver aproximadamente 130 horas de propaganda, quase 5 dias e meio de propaganda.

7. Mais velocidade, menos dados

De acordo com a própria empresa, a partir deste ano o usuário poderá visualizar mais conteúdo sem que seja necessário comprometer mais dados. De acordo com a chefe de desenvolvimento da companhia, a ideia é identificar o conteúdo exibido e, de acordo com a produção, liberar diferentes padrões de streaming. Assim, cada filme, série ou programa ganha seu próprio algoritmo.

Na prática, isso signficia um streaming mais rápido e com imagens de qualidade que não consumam tantos dados.